Bitcoin: Entenda DE UMA VEZ o que é essa moeda na era digital!

Quando o assunto é mercado financeiro, pode ter certeza que você vai ouvir essa palavra por diversas vezes. Mas, afinal de contas, o que é bitcoin? Por que ela está tão valorizada assim? Qual a diferença dessa para as outras moedas? Onde ver a cotação e como investir nessa novidade? Aliás, será mesmo que ela é uma novidade?

Todas essas dúvidas você vai tirar aqui e agora. Confira os tópicos abaixo e entenda, de uma vez por todas, como funciona a moeda digital mais famosa do mundo! Boa leitura!

O que é Bitcoin?

Basicamente, ele é uma espécie de moeda digital ou criptomoeda. Para você ter uma, é preciso saber fazer uma série de operações com códigos em diferentes computadores ligados em rede. Se você acha que essa é uma invenção tecnológica dos últimos meses, está muito enganado. O bitcoin tem mais de nove anos e seu crescimento não veio de um dia para o outro.

Como funciona?

Após fazer várias operações matemáticas, as pessoas que tentam minerar bitcoins conseguem desvendar uma espécie de desafio e, quem vence, ganha um bloco da moeda.

É como se fosse um jogo online mesmo, mas bem mais difícil que esses que você está acostumado a brincar. Isso porque até 2140 só vai ser possível conquistar 21 milhões de moedas em todo o planeta. É essa dificuldade somada à falta de regulação que faz do bitcoin uma verdadeira revolução no mercado financeiro mundial.

Mas para você que não sabe jogar, entende nada de programação, códigos, desafios matemáticos, como ser dono dessa mina de dinheiro?

Como comprar?

Assim como no mercado tradicional de câmbio e de investimentos, é possível você trocar moedas como o real e o dólar pelo bitcoin. Basta você fazer o cadastro em alguma corretora de valores, colocar o seu dinheiro lá e depois trocá-lo pela criptomoeda.

O bitcoin se tornou uma moeda valorosa, porque muitas pessoas decidiram investir nesse segmento. Como existem poucas no mercado, elas são bem caras e, quanto maior a procura, maior também é o valor delas.

Vale a pena investir em bitcoins?

Você, provavelmente, já deve ter ouvido algumas pessoas dizendo que vão se aposentar em seis meses, que investiram em bitcoin e agora estão ficando muito ricas. Calma, não é bem assim!

Por não ter nenhum tipo de regulação, seja por meio de um banco central ou governo, a cotação da moeda é sempre muito volátil, não dá para controlar. Com isso, se um dia ela vale 50 mil reais, no outro pode cair para 30 mil e dois dias depois passar para 70 mil.

Em relação aos tipos de investimentos tradicionais que existem, o bitcoin é tratado como de altíssimo risco, por conta de toda essa volatilidade do mercado mundial.

Se você não tem medo de arriscar e tiver um dinheiro sobrando, pode ser sim uma boa ideia. Só não se desespere, caso a moeda comece a cair livremente e você passe a perder praticamente tudo o que investiu. Agora que já sabe dos riscos, a escolha é sua!

bitcoin

Trade

Trade é o nome dado aos profissionais que trabalham com mercado financeiro, como bolsa de valores, apostas esportivas e troca de câmbio. Esses especialistas estudam a respeito das possibilidades e investem o dinheiro em diversos segmentos. A partir dessas aplicações, eles conseguem ter uma boa renda mensal e lucros diversos.

Para ser trade, é preciso estudar muito e se especializar em alguma área específica. Existem traders que trabalham apenas com criptomoedas como o bitcoin, porém todos eles alertam a respeito dos riscos de investir nas moedas digitais.

Bitcoin no Brasil

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) decidiu no início de 2018 proibir a compra das moedas digitais pelos fundos de investimento nacionais. Com isso, você não pode comprar ou vender bitcoins a partir desses fundos.

Para conseguir entrar no mercado, é preciso investir em algum fundo internacional, já que o CVM ainda não tomou nenhuma decisão a respeito disso no momento.

A Coreia do Sul, por exemplo, afirmou que planeja proibir a comercialização do bitcoin e demais criptomoedas no país. Essa informação fez com que o preço da moeda digital despencasse, o que prova a alta volatilidade e o alto risco de se aplicar dinheiro nela.

Agora que você já sabe tudo sobre bitcoin e criptomoedas, compartilhe este texto nas suas redes sociais e mostre para os seus amigos!

0 Compart.
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *